Servidores da CGE fazem capacitação para otimizar atuação do controle interno

Cristina Nakano ficou em primeiro lugar ao responder todas as questões corretas e em menos tempo

 

A Controladoria-Geral do Estado (CGE) promoveu neste mês um curso de capacitação onde foram detalhados os fundamentos da Portaria nº 40/2021, que estrutura as ações de controle interno executadas pelo órgão. Participaram do treinamento cerca de 80 servidores da Subcontroladoria de Controle Interno e Correição. A Portaria define os requisitos para atuação consultiva e inspecional da CGE nos entes da administração direta e indireta do governo de Goiás.

A Portaria 40/2021 é uma importante norma da Controladoria porque define as ações de controle interno, que compreendem as auditorias e as inspeções realizadas pela CGE na condição de Órgão Central do Sistema de Controle Interno do governo de Goiás. Ela estrutura os padrões de referência do modelo de atuação, interação com os demais órgãos de controle e elaboração dos planos, programas e normas para a execução dos trabalhos.

Outro ponto importante é que a Portaria oficializa a adoção e aplicação, pela CGE Goiás, das principais normas internacionais de controle interno, definidas pelo Instituto de Auditores Internos (IIA), tais como o Modelo de Capacidade de Auditoria Interna (IA-CM) e o Modelo das Três Linhas.

O curso foi preparado e conduzido pela Assessoria de Harmonização e Gestão Estratégica que, ao longo de quatro encontros e cerca de seis horas-aula, apresentou os principais aspectos do documento e de seu anexo.

A partir do material de cada encontro, os servidores responderam a questionários para reforçar o aprendizado e o controlador-geral do Estado, Henrique Ziller, instituiu uma competição saudável entre os cerca de 80 participantes. Os cinco que conseguiram a melhor pontuação de respostas certas receberam como prêmio garrafas de vinho, adquiridas pelo secretário e pelo assessor de Harmonização da CGE e entregues nesta sexta-feira (18/3).

Como muitos alcançaram 100% de acerto, a escolha de classificação dos ganhadores foi pelo menor tempo para responder as 43 questões formuladas. Foram premiados, do primeiro ao quinto lugar, respectivamente, os servidores Cristina Tamiko Nakano, Hélio Machado Filho, Geovanni Maciel Gonçalves, Tatiana Lisita e Leizimar Afonso de Oliveira Martins.

Controladoria-Geral do Estado (CGE) – Governo de Goiás