CGE publica Relatório de Gestão Estratégica com resultados de 2020

Documento apresenta resultados de Planejamento Estratégico e de ações do órgão de controle interno em 2020. Relatório está disponível para download no site da CGE. Apesar do ano atípico, devido a pandemia, avanços foram muitos. Gestão de Riscos do Programa de Compliance Público foi implantada em 44 órgãos do Poder Executivo, e inspeções geraram economia potencial de R$ 499,9 milhões a cofres do Estado

A Controladoria-Geral do Estado (CGE) disponibilizou para consulta o Relatório de Gestão Estratégica de 2020. O documento está no site da CGE (clique aqui para visualizar) e foi elaborado pela Assessoria de Harmonização e Gestão Estratégica. A compilação dos dados é fruto de uma construção multidisciplinar, iniciada em 2019, com as unidades administrativas e a alta direção, na formulação de programas e estruturação do modelo de negócio, bem como nos resultados alcançados em 2020.

O documento é estruturado em cinco tópicos: Institucional, Governança e Estratégia, Programa de Compliance Público, Programa Participação e Controle Social, Planejamento Estratégico 2020-2023, além de destaques dos dados e números de 2020 e desafios para 2021.

O tópico Institucional aborda a visão geral da organização e o ambiente externo, passando pelo histórico, objetivos institucionais e o modelo de gestão em vigor – modelo de negócio, cadeia de valor, arquitetura de processos e carta de serviços. O tópico Governança e Estratégia abarca as políticas e os programas de governo vigentes, com destaque para a autoavaliação da gestão e dos resultados dos dois programas finalísticos: Compliance Público e Participação e Controle Social.

Em 2020, o Governo de Goiás, por meio da CGE, realizou a 2ª Edição do Prêmio Goiás Mais Transparente, no qual 86% dos órgãos alcançaram o índice de transparência mais elevado (selo Ouro). Ainda em termos de transparência de dados, foram lançadas as ferramentas Coronatransp, Coronainfo, Banco de Preços – Covid 19 e Inteligência Artificial para classificação de ouvidoria.

Foram realizados 91.701 atendimentos pelo Sistema de Ouvidoria do Estado, o que representou um aumento de 64% em relação ao ano anterior. O índice de resolutividade das respostas aos usuários também cresceu 11 pontos, subindo de 42%, em 2019, para 53% em 2020. O prazo médio de respostas para o usuário do sistema foi de sete dias.

Em 2020, a CGE realizou 473 inspeções preventivas e fiscalizações em diversas categorias de gasto governamental, além de 1.084 análises de contas. Foram fiscalizados R$ 7,6 bilhões em licitações, chamamentos, inspeções e compras emergenciais para combate ao coronavírus. O trabalho resultou na economia potencial de R$ 499,9 milhões, decorrentes das adequações e do atendimento, pelos órgãos estaduais, às recomendações expedidas pela Controladoria e nos procedimentos de compras.

Na área correcional, foram feitas várias formações e capacitações para os servidores dos órgãos estaduais. Foram criados o Portal das Corregedorias e os módulos TAC e Sindicância/PAD do Sistema de Controle de Procedimentos Administrativos Correcionais (Sispac). A CGE instalou, ainda, o Mutirão de Conciliação, contribuindo para a resolução consensual de conflitos. Em 2020, três empresas foram punidas em processos correcionais e R$ 26 milhões retornaram aos cofres públicos.

No âmbito do controle social, os programas tiveram o objetivo de difundir o conhecimento relacionado à prevenção e ao combate à corrupção, além de contribuir na formulação de políticas públicas sobre o tema.  Se por um lado a pandemia decretou a descontinuidade do projeto Estudantes de Atitude, por ter uma interface presencial com a comunidade, por outro lado possibilitou novos trabalhos por meio das redes sociais, para a execução do Programa Embaixadores da Cidadania.

O quinto e último tópico apresenta uma síntese do Planejamento Estratégico 2020-2023, com a metodologia adotada, perspectivas, objetivos e mapa estratégico. O Relatório de Gestão destaca um panorama geral dos resultados aferidos no ano de 2020, por meio de metas e indicadores, objetivos, perspectivas e programas governamentais.

Como complementação, o início do documento destaca em dados e números as principais realizações institucionais por unidade de negócio, finalizando com os desafios para o ano de 2021 e a conclusão de que, em um ano tão atípico, a instituição conseguiu obter resultados expressivos, demonstrando capacidade e competência técnica.

Leia aqui o Relatório de Gestão Estratégica 2020.

Controladoria-Geral do Estado (CGE) – Governo de Goiás